Como é viver nas ‘jaulas’ de Hong Kong em meio ao avanço da covid

A política de covid zero adotada pela China manteve, nos primeiros dois anos da pandemia, o novo coronavírus parcialmente sob controle em Hong Kong – que tem uma das maiores densidades populacionais de todo o mundo.

No entanto, com a chegada de uma variante mais transmissível, como é o caso da ômicron, o contágio cresceu e colocou enorme pressão sobre o sistema de saúde.

Somando-se isso às dificuldades de praticar isolamento social e a uma população idosa que tem sido relutante em se vacinar, Hong Kong chegou a registrar em março uma das taxas de mortalidade mais altas do mundo por covid.

O perigo é maior para quem vive em microapartamentos dubdivididos entre várias famílias – fazendo com que indivíduos acabem ficando cada um com o espaço semelhante a uma jaula.

A BBC visitou alguns desses microapartamentos para conhecer seus moradores. O sr. Feng, por exemplo, habita um espaço de 3m².

Confira.

Curtiu? Inscreva-se no canal da BBC News Brasil! E se quiser ler mais notícias, clique aqui: https://www.bbcbrasil.com

#BBCNewsBrasil #HongKong #Covid

comprar biblias

markadapaz