Daniel Alves visita Itapuã para assinar convênio com a prefeitura

Daniel e Bruno posam para fotos com crianças atendidas pelo projeto

O anúncio da parceria entre o jogador de futebol Daniel Alves, 38 anos, e a Prefeitura de Salvador para a administração do Centro Integrado de Esportes (CEI) Armindo Biriba, em Itapuã, correu de boca em boca pelo bairro, e na manhã desta sexta-feira (25) o auditório ficou lotado. Pais e estudantes fizeram fila na porta do espaço esportivo para conseguir ver ou fazer uma foto com o atleta.

O CEI foi inaugurado em outubro de 2020, fica na Rua da Ilha, e atualmente atende 400 crianças, de 7 a 17 anos, com aulas em diversas modalidades esportivas. Segundo a prefeitura, existe uma lista de espera com cerca de mais mil pessoas aguardando por uma vaga. Com a assinatura do convênio o Instituto Dani Alves assume a administração do espaço e vai dobrar a capacidade de atendimento para 800 jovens.

csm Dani02 3a9c183f9f
Acordo foi assinado durante o evento (Foto: Valter Pontes/ Secom)

Antes do evento, um grupo de crianças foi levado até o centro da quadra e aguardou ansiosamente pela chegada do atleta. Um mascote animava os pequenos enquanto o prefeito concedia entrevistas e demais autoridades se acomodavam, mas os olhos atentos dos meninos e meninas vigiavam a porta por onde o jogador provavelmente chegaria. A espera terminou quando o cabeça do mascote foi retirada e Daniel se revelou para a surpresa e o grito das crianças.

“Eu costumo dizer que esse vai ser o título mais importante da minha carreira, da história da minha vida, porque eu acredito que precisamos fomentar a preocupação social, precisamos nos dedicar e retribuir aquilo que foi nos proporcionado através das oportunidades que recebemos, da nossa carreira e do esporte. Não podemos deixar esse sonho e essa chama apagar. A gente começa pela nossa comunidade, pelas pessoas mais próximas da gente e assim a gente vai mudando o mundo”, contou.

Ele também foi surpreendido. No final do evento, os pais de Daniel apareceram para abraçar o filho. A mãe dele teve uma lesão no joelho e estava usando muleta e contou que o filho acreditava que ela estava em casa, de repouso.

csm Dani03 55892d1bc1
Daniel estava disfarçado de mascote (Foto: Valter Pontes/ Secom)

Centro esportivo
A estrutura oferece ginásio poliesportivo, arquibancada para até 181 pessoas, campo de futebol ao ar livre, sala para professores e técnicos, vestiários, chuveiros, enfermaria, academia, banheiros, copa e depósito. O prefeito Bruno Reis disse que a iniciativa da parceria partiu da prefeitura, que procurou o atleta e ofereceu o convênio. Na prática, a equipe será mantida e o equipamento vai continuar a serviço da comunidade, mas agora será administrado pelo Instituto. Bruno destacou o exemplo de Daniel Alves.

“Ele é baiano, de minha terra, Juazeiro. Ele queria desenvolver um projeto social e nós o procuramos. Veja o quanto é importante um atleta de sucesso ter esse olhar voltado para a área social, estar preocupado com as crianças. Ele começou jogando nos campos de várzea, em Juazeiro, e chegou onde chegou. Então, se ele conseguiu isso essas crianças também podem. Os nossos exemplos tem que servir para inspirar nossas crianças, para que elas possam ter perspectiva e através de seu trabalho realizar seus sonhos”, disse.

csm Dani04 30e3dc5d66
Espaço oferece quadra poliesportiva (Foto: Valter Pontes/ Secom)

Daniel Alves é natural de Juazeiro, no Vale do São Francisco, e atualmente é jogador do Barcelona, na Espanha. Ele também foi atleta no Esporte Clube Bahia, Sevilla, Juventus, Paris Saint-Germain e São Paulo. Conquistou 43 títulos, até agora, e já foi capitão da Seleção Brasileira. Um painel foi instalado no CEI com fotografias da trajetória do futebolista.

As atividades já tiveram início com a abertura de 600 vagas para basquete, ginástica rítmica e futebol disponibilizadas pelo instituto no mês anterior. A expectativa é de que sejam oferecidas, em breve, outras modalidades esportivas a exemplo de boxe, jiu jitsu, capoeira e taekwondo. As oportunidades serão divulgadas pela Prefeitura e pela pagina do projeto no Instagram (@institutodanielalves).

Fonte: Correio 24hs

comprar biblias

markadapaz