Entrevista com Silas Malafaia: ‘Pastor fazer lobby é uma vergonha’

A possibilidade de o Ministério da Educação (MEC) ser entregue ao bloco conhecido como Centrão tem sido levantada em meio à exoneração do agora ex-ministro Milton Ribeiro.

O pastor Silas Malafaia, uma das mais influentes lideranças evangélicas do país, disse à BBC News Brasil que não acredita que o presidente Jair Bolsonaro vá entregar a liderança do MEC – o terceiro maior orçamento da Esplanada dos Ministérios – ao Centrão, mas afirmou que se isso acontecer seria uma “vergonha”.

Assista ao vídeo com os principais trechos da entrevista, concedida ao repórter da BBC News em Brasília, Leandro Prazeres.

A respeito do escândalo no MEC, em que áudios sugerem o favorecimento de municípios indicados por dois pastores na distribuição de recursos da educação, Malafaia afirmou que não vê problema em pastores participem da agenda de ministros.

“O pastor é um cidadão como qualquer outro. Assim como o governo Lula recebia sindicalista de tudo que é lugar porque era o segmento mais afeito a eles. Eu não acho nada demais. O que eu acho demais é pastor ser lobista. Isso é que é demais. O pastor deixou de ser cidadão porque é pastor? Claro que não. Agora, pastor se usar disso para fazer lobby é uma vergonha.”

Leia a entrevista completa e a reportagem sobre o assunto:
https://www.bbc.com/portuguese/brasil-60911592
https://www.bbc.com/portuguese/brasil-60908886

Curtiu? Inscreva-se no canal da BBC News Brasil! E se quiser ler mais notícias, clique aqui: https://www.bbcbrasil.com

comprar biblias

markadapaz