Famosos contam para onde vão e o que fazem para se divertir em Salvador

Ponta do Humaitá

Desde os tempos de Caymmi, os artistas da terra perguntam: “Você já foi à Bahia?” – para logo depois emendarem, “Então vá!”. A ‘Velha Cidade da Bahia’, forma carinhosa como muitos nativos se referem a Salvador desde a sua origem, abriga uma diversidade cultural e de paisagens como poucos lugares no planeta. O mar é o protagonista, já que por aqui temos 105km de litoral, contando com as ilhas dos Frades, Bom Jesus dos Passos e de Maré, mas há caminhos para todos os gostos e perfis. E quem afirma isso são os cantores e compositores nascidos e criados na capital. Por mais que deem a ‘volta no mundo’, é aqui que essa gente criativa encontra inspiração diária.

A pedido do CORREIO, artistas baianos contaram em vídeos gravados especialmente para o Especial de Aniversário de Salvador (assista nas nossas redes @correio24horas), quais são seus lugares preferidos na cidade. E deram dicas de locais inesquecíveis para quem quer saber, afinal, o que é que a Bahia tem.

Bell Marques cita uma lista que inclui as belezas naturais, a cultura, religiosidade, dança, música e a história de Salvador; além da nossa tradição de bem receber, como atrativos principais. "Salvador é uma cidade mágica".

Margareth Menezes, por sua vez, gosta de caminhar na orla de Piatã, mas também recomenda um passeio ‘especialíssimo’ pela Península de Itapagipe. "Existe ali uma coisa bucólica, gostosa demais”.

Veja o especial de aniversário Rota Salvador 473

Cláudia Leitte e Tony Salles vão nesse bonde. Ele para comer um pirão de aipim na Ribeira, embora também se encante pelo Farol de Itapuã, no outro extremo da cidade. E Claudinha, para ver o pôr do sol e tomar o tradicional sorvete de tapioca, da histórica Sorveteria da Ribeira.

Seguindo a rota dos três, Gerônimo, Ricardo Chaves, Reinaldo e Paulinho Boca também exploram os percursos da Cidade Baixa. O primeiro reforça que a passagem pela Ribeira para tomar sorvete é imprescindível. Dá até para combinar: pirãozinho antes, sorvetinho depois. Já Ricardo aprecia o pôr do sol da região, mas seu ponto é Mont Serrat, com direito a acarajé e cervejinha gelada. "Mas se beber, não dirija", adverte.

Reinaldo acha que a Cidade Baixa é um dos lugares “mais fantásticos” da cidade: “é show”, resume. Enquanto Paulinho Boca dá sua dica especial cantando os encantos da baianidade, como a paisagem de tirar o fôlego da Ponta do Humaitá e para arrematar, “pedir a benção de Oxalá no Bonfim”.

csm praia da ribeira Tiago Caldas ArquivoCorreio f97739d2a0
Praia da Ribeira

(Foto: Tiago Caldas/Arquivo CORREIO)

Encarnando o guia turístico, Márcio Vitor chama para conhecer o Subúrbio Ferroviário, com direito a saída de barquinho do Terminal Náutico, no Comércio, até São Tomé de Paripe, e o retorno, de novo pela região do Comércio, subindo a Gamboa.

Tonho Matéria também segue essa rota, mas saindo do Pau Miúdo, passando pela Liberdade, Largo do Tanque, até chegar em Plataforma e “pegar a estrada”, no caso a Avenida Afrânio Peixoto, mais conhecida por aqui como Suburbana, “para contemplar uma natureza bela”.

No miolo de Salvador, o Cumpadre Washington recomenda visitar o bairro da Saúde, que “é massa!”, para aproveitar a gastronomia e a música locais.

Para os malhadores, Lincoln Senna revela um dos seus programas favoritos: se exercitar e tomar água de coco no Jardim de Alah, “um lugar que combina mar e natureza”.

Já Felipe Pezzoni tem aproveitado o Santo Antônio Além do Carmo, que além da paisagem – o bairro se debruça sobre a baía de Todos-os-Santos – “ainda tem história e ótimos restaurantes”, indica.

E a turma da banda Filhos da Bahia, João Lucas, Zaia e Miguel Freitas, filhos, respectivamente, de Saulo Fernandes, Reinaldo e Carlinhos Brown, encerram o tour com aquela passadinha musical pelo Candeal.

Mais discípulos do mestre Caymmi, impossível!

***

Bell Marques

“Uma das coisas que mais gosto de fazer em Salvador quando estou de folga é navegar na Baía de Todos-os-Santos. Adoro curtir as praias, almoçar e passar o tempo admirando a beleza natural. Somos abençoados com a temperatura agradável da água do mar e com a paz. Adoro pescar também, mesmo não pescando nada!”

Cumpadre Washington

“Vou indicar um lugar bom de vocês virem conhecer aqui em Salvador, o bairro da Saúde. Esse bairro está massa, com gastronomia de primeira, música e um ambiente seguro. Eu garanto, assino embaixo. Quando vocês vierem para Salvador: bairro da Saúde”

Felipe Pezzoni

“Um lugar muito especial, que estou gostando muito de ir é o Santo Antônio Além do Carmo. É um lugar lindo, tem toda uma beleza cultural e histórica envolvida. Hoje tem várias opções de restaurantes, tem uma vista linda, é um ótimo lugar para passar o dia, bater perna e viver Salvador”

Filhos da Bahia, banda formada por João Lucas, Zaia e Miguel Freitas

“Nós recomendamos que você passeie e conheça o Candeal. Tem a comida de dona Jô, a Pracatum, o Gandeal Guetho Square, Timbalada, Carlinhos Brown… Não percam, em Salvador, conheçam o Candeal!”

Gerônimo

“Meus caminhos são os do baiano. Adoro frequentar o Pelourinho, o Santo Antônio… Coisa mais linda é você ir até a Ribeira tomar um sorvete e de lá ir a Orla toda, até onde você puder, porque a Orla é enorme. Só indo para ver”

Margareth Menezes

“Acho muito bacana a caminhada na orla de Piatã, sair caminhando de Piatã até o novo Centro de Convenções [Boca do Rio] é bem agradável para quem gosta de andar, eu gosto muito de caminhar. Um passeio especial é você pegar o carro e ir lá em Itapagipe, visitar a Igreja do Bonfim. Depois, ir até o final de linha da Ribeira, passar ali pelo casario maravilhoso, vendo do outro lado Paripe, Periperi. Dar uma volta na baía de Todos-os-Santos, naquela região maravilhosa. Pode parar na sorveteria da Ribeira e tomar aquele sorvete especialíssimo e continuar pela Avenida Beira Mar. Existe ali uma coisa bucólica, gostosa demais em Itapagipe”

Tony Salles

“Vou mandar duas dicas especiais para quem quer passear aqui em Salvador: uma é conhecer Itapuã, pegar um pôr do sol no Farol de Itapuã, comer um acarajé. E a segunda é, na minha Cidade Baixa, você conhecer a Ribeira, passear nas praias da Ribeira, comer pirão de aipim e ir na Igreja do Bonfim”

Cláudia Leitte

“Eu sugiro que vocês vão à Ribeira, para ver o pôr do sol e tomem o sorvete tradicional de tapioca na Sorveteria da Ribeira”

Lincoln Senna

“Meus lugares preferidos em Salvador têm relação com a praia, com o mar e com o verde. E tem um lugar específico que consegue reunir esses três elementos, que é o Jardim de Alah, onde dá para a gente fazer uma caminhada, passear, se exercitar, e ainda tem os quiosques para tomar uma água de coco”

Márcio Vitor

“Minha cidade é linda demais, tem muitos lugares lindos. Muitos bairros lindos em Salvador. Vamos fazer um tour pelo Subúrbio: você pega o carro, vai ali para o terminal náutico, pega o barquinho, vai direto para São Tomé de Paripe, onde vai conhecer Inema, Tubarão, aquele lugar é muito lindo! São Tomé de Paripe é um dos bairros mais bonitos de Salvador. Na verdade, aquela área é toda linda. Na volta, você já conhece ali o Comércio, o Elevador Lacerda, a Igreja de Nossa Senhora da Conceição, vai subindo e já pega a parte da Gamboa… Salvador tem muitos lugares especiais. É uma das cidades mais lindas do mundo!”

Paulinho Boca de Cantor

"Quando chegar na Bahia, não deixe de me procurar, o meu nome é alegria, vou estar em todo lugar. Com aquele sorriso no rosto, de braços abertos a lhe esperar. Vou lhe levar na Ribeira, tomar um sorvete de cajá. A vista mais linda da cidade, na Ponta do Humaitá. Na igreja do Bonfim, pedir a benção ao pai Oxalá. Um mergulho no Porto da Barra, ir caminhando até o Farol, sentar na balaustrada e apreciar mais um lindo pôr do sol. Imagina, quem é que não quer, uma água de coco e um acarajé. A noite é uma criança no Rio vermelho e no Pelourinho, antes de cair na dança, provar do famoso cravinho. A vida vira festa e ninguém fica sozinho. Essa é minha Bahia, de encantos e magia sem igual. Diante de tanta beleza, só resta uma certeza, você vai voltar para o Carnaval"

Reinaldo

“Show pra mim, rapaz, é a Cidade Baixa. Um lugar fantástico. O Bonfim, Humaitá, Cantagalo, Ribeiro, tomar um sorvetinho, se nunca foi, vá”

Ricardo Chaves

“Um passeio que indico em Salvador é sair do Largo do Rio Vermelho de carro, com destino ao Porto, curtindo o visual. Vai seguindo bem devagar e quando chegar lá, sobe a Ladeira da Barra olhando para a ilha de Itaparica, vai até o Campo Grande, desce a Contorno, se encanta com o visual da Baía de Todos-os-Santos. Vai até o Bonfim, agradece, e encerra o dia vendo o pôr do sol do Mont Serrat, se possível, comendo um acarajé e tomando uma cervejinha. E se beber, não dirija!”

Tonho Matéria

“Saindo do Pau Miúdo, vou pegar a rota da Liberdade, descer o Largo do Tanque, ‘pegar a estrada’ para chegar em Plataforma, em Periperi, ou seja, o Subúrbio, para a gente contemplar uma natureza bela. Aquele axé!”

O Aniversário de Salvador é um projeto do Jornal Correio com patrocínio do Hospital Cárdio Pulmonar, Wilson Sons, Salvador Bahia Airport e Unifacs, apoio institucional da Prefeitura Municipal de Salvador, FIEB e Sebrae, apoio de Suzano, Abaeté Aviação, Sotero, Shopping Center Lapa, Jotagê, AJL, Comdados.

Fonte: Correio 24hs

comprar biblias

markadapaz