Professora processa escola após ser espancada por aluno de cinco anos

pjimage 2

Uma professora espancada por um menino de cinco anos ganhou na justiça 140 mil libras esterlinas – equivalente a R$ 912 mil – após dizer ao tribunal que tem vivido com dores crônicas desde a agressão. Aleksandra Aukett, 44 anos, processou a escola depois que ela foi deixada de muletas e "traumatizada" pelo ataque que sofreu em março de 2017, em Londres.

Ela sofreu várias lesões quando o aluno, que era "grande para sua idade", a socou, beliscou e chutou enquanto ela tentava manter a ordem na sala de aula. Aleksandra, que até hoje precisa da ajuda de bengalas para se locomover, diz que não voltou ao trabalho devido ao medo do “ambiente escolar”.

Segundo o "The Sun", o juiz Richard Roberts ordenou nesta terça-feira (22) que o bairro londrino de Hillingdon, responsável por supervisionar a escola, desembolsasse uma compensação à vítima.

A advogada Gemma Witherington disse ao juiz que a criança – conhecida como X – já havia espancado outro colega quando a professora foi ferida. Aleksandra havia removido as outras crianças da sala quando "X" se lançou sobre ela, socando-a no peito, beliscando-a e chutando seus quadris, virilha e pernas.

O ataque causou danos duradouros na parte inferior das costas, no peito e na nádega esquerda de Aleksandra. Especialistas médicos disseram que ela foi atormentada por dores crônicas nas costas, transtorno de estresse pós-traumático (TEPT) e depressão após o ocorrido. "Não estou nem perto do nível de mobilidade, condicionamento físico e saúde em que estava antes do acidente", comentou a professora.

Fonte: Correio 24hs

comprar biblias

markadapaz