‘Sou visto como traidor’: como é ser PM de esquerda

Nesta reportagem especial, nossa repórter Nathalia Passarinho conversa com policiais militares que se dizem de esquerda e contrários à política do presidente Jair Bolsonaro, para entender como é a convivência deles com os colegas e o dia a dia nos batalhões.

Eles quiseram ter seus nomes revelados, embora tivessem a opção de falar sob anonimato.

Há relatos de agressões verbais por colegas, ataques nas redes sociais, “punições veladas” dentro das corporações e abertura de investigações internas com, segundo eles, “dois pesos e duas medidas” para quem se manifesta a favor ou contra o governo Bolsonaro.

Assista e confira o que eles dizem.

Reportagem em texto:
https://www.bbc.com/portuguese/brasil-62286437

Curtiu? Inscreva-se no canal da BBC News Brasil! E se quiser ler mais notícias, clique aqui: https://www.bbcbrasil.com

#bbcnewsbrasil #política #policia

comprar biblias

markadapaz